Monthly Archives: Fevereiro 2013

SL Benfica v Académica de Coimbra – hoje às 20h15

O Nosso Clube joga hoje à noite contra a Académica de Coimbra, a contar para a 19ª jornada da Liga, com início marcado para as 20h15.

Jorge Jesus convocou 18 jogadores lutadores para destruírem a muralha que a equipa de Coimbra vai ser esta noite. Então os 18 escolhidos são:

Guarda-redes: Artur e Paulo Lopes;

Defesas: Luisão, Garay, Melgarejo, Maxi Pereira e Roderick Miranda;

Médios: Carlos Martins, André Almeida, Enzo Perez, Pablo Aimar, Urreta, Salvio, Gaitán e Ola John;

Avançados: Lima, Kardec e Rodrigo

Jogadores Benfica festejando golo

Re-lembro que tanto Oscar Cardozo como Nemanja Matic estão castigados para este jogo, como consequência das suas expulsões durante o encontro contra o Nacional, na Madeira. E Carlos Martins tem hoje uma excelente oportunidade de jogar o belo futebol que todos sabemos que sabe jogar, ainda por cima depois de Jorge Jesus lhe ter motivado para este jogo, para agarrar esta oportunidade. Força Carlos!

Os jogadores do Sport Lisboa e Benfica estão altamente concentrados para esta partida e sabem do bom valor do adversário, tendo já se defrontado por 3 vezes esta época (Liga, Taça da Liga e Taça de Portugal). Já estão todos avisados pelo bom futebol que o adversário pratica, não tendo este nada a perder, a não ser 3 pontos. Vai ser um jogo difícil, mas acreditamos todos an vitória do nosso Benfica.

Força Benfica! Onda Positiva!

Anúncios

SL Benfica vence na Alemanha!

Um dia histórico é o de hoje, com o Sport Lisboa e Benfica a alcançar uma vitória importantíssima no terreno do Bayer Leverkusen por 0-1.

Leverkusen v SL Benfica

Com Jorge Jesus a afirmar que iria poupar alguns jogadores, pois o mais importante é o Campeonato e o jogo de Domingo com a Académica de Coimbra, no Estádio da Luz, a ideia do Benfica seria sempre a de ir para o jogo controlando-o e actuar em sistema de contra-ataque, com unicamente Oscar Cardozo lá na frente e populando o meio-campo.

O onze inicial do Benfica hoje à noite foi: Artur; Luisão, Garay, Melgarejo e André Almeida na defesa; André Gomes, Matic, Gaitán, Ola John e Urreta no meio-campo; Oscar Cardozo no ataque.

O golo do Benfica surgiu de uma boa jogada de contra-ataque, com André Almeida a fazer um passe, Gaitán deixa passar a bola e Cardozo recebe-a, contornando o guarda-redes, já na área, e  “picando” a bola por cima deste, fazendo um golo de belo efeito e após uma boa jogada. Estavam decorridos 61 minutos de jogo.

Golo de Cardozo v Leverkusen

De referir que o Benfica tremeu várias vezes na defesa, com o Leverkusen a poder marcar por várias vezes, mas Rei Artur esteve em grande hoje à noite, tal como o defesa esquerdo Melgarejo, que evitou um golo certo já nos descontos do jogo.

Mesmo com alguns sustos, o Sport Lisboa e Benfica fez um grande jogo, debaixo de neve intensa durante toda a partida, sabendo controlar o jogo de maneira eficaz. Este é um grande resultado e certamente que o Benfica é agora favorito para passar à fase seguinte, mesmo tendo que fazer um outro jogaço na 2ª mão, no Estádio da Luz, marcado par o dia 21 de Fevereiro.

Benfica celebra golo v Leverkusen

Parabéns aos jogadores pelo grande jogo que fizeram e pela determinação, concentração e frieza que demonstraram ao longo de todo o jogo. E não posso esquecer-me do enormíssimo apoio visto, ouvido e recebido dos adeptos benfiquistas no estádio. Foi absolutamente impressionante ouvi-los a apoiar a equipa durante todo o jogo e os jogadores sentiram-no e agradeceram todos por isso.

Força Benfica! Onda Positiva!

Árbitros Procuram-se em Portugal

O mais recente episódio entre Sport Lisboa e Benfica e o árbitro internacional português Pedro Proença, no jogo entre os encarnados e o Nacional da Madeira, realizado no Domingo passado, é apenas mais uma das já muitas nódoas que a toalha do futebol português tem.

Como adepto de futebol, tenho que aceitar a decisão de Pedro Proença em expulsar Oscar Cardozo, depois deste ter dado um pontapé na barriga da perna do jogador madeirense, quando este estava claramente a perder tempo, ocultando a bola do avançado paraguaio.

Proença v SL Benfica

O comportamento de Oscar Cardozo após a mostragem do cartão vermelho, puxando a camisola de Pedro Proença, foi uma atitude estúpida e evitável. Foi uma atitude de frustração, de desespero, para poder entender o porquê de ter sido expulso. No entanto, Pedro Proença poderia ter tido uma atitude também ela mais ponderada e pensada. Senão vejamos.

O jogador madeirense estava a perder tempo deliberadamente, o que por si só, é uma atitude anti-jogo. Frustrado por o adversário não soltar a bola, Cardozo pontapeia a perna do mesmo, para que o obrigue a deixar a bola, para poder executar o pontapé de canto que foi assinalado pelo árbitro.

Cardozo não deveria ter feito o que fez, ninguém tem dúvidas sobre isso e ninguém aprova. Mas Pedro Proença teria de analizar melhor o contexto em que fê-lo. Cardozo não o fez por pura maldade ou para magoar o adversário. Mas o que não entendo é o porquê do árbitro ter então admoestado o jogador madeirense com o 2º cartão amarelo e consequente vermelho? Porque estaria certamente a fingir uma lesão, só pode. Então, na minha modesta opinião, Cardozo poderia ter recebido um merecido cartão amarelo e muito provavelmente o agarrão à camisola de Proença não teria acontecido.

A 2ª expulsão do Sport Lisboa e Benfica, a de Nemanja Matic, foi claramente estúpida e sem senso nenhum. As imagens mostram claramente que não houve qualquer agressão de Matic ao jogador madeirense e que este passa tempo a rebolar-se no chão, aparentemente cheio de dores.

Matic expulso v Nacional 2

Se na expulsão de Cardozo o Benfica não terá muita margem de manobra, com Matic de certeza que poderão reverter a decisão de jogos de castigo aplicados ao médio sérvio. Além disso, e como já foi noticiado pelo Nosso Clube, vai ser pedido um sumaríssimo ao jogador madeirense que simulou a agressão e forçou a expulsão de Matic. Se a Federação e/ou Liga derem razão ao Benfica, então o madeirense também terá de ser castigado com vários jogos pela conduta anti-desportiva.

O Lado Humano em Falta

As Ligas, Federações de Futebol e Associações de Árbitros saem-se sempre com a mesma mensagem de que os árbitros são humanos e, como todos nós, também cometem erros e não são perfeitos. Então porque não conseguem os árbitros ver cada situação com outros olhos e entender porque um jogador comete uma falta daquelas? Porque é que não podem simplesmente parar um jogo, seja por quanto tempo for necessário, e analizar a situação mais calmamente?

Além disso, porque é que não conversam calmamente com os jogadores e explicam-lhes exactamente o porquê de terem assinalado falta e/ou mostrado um cartão? Se tivessem esta atitude, aposto que teriam muito mais respeito por parte dos jogadores, adeptos e directores dos clubes. Veja-se o que se passa no Reino Unido, onde os árbitros conversam com os jogadores como pessoas adultas responsáveis e explicam o porquê das decisões. Assim se faz, assim se controla um jogo.

Na minha opinião, os árbitros portugueses deveriam ter aulas de comunicação e psicologia humana, para perceberem (melhor) o comportamento humano e principalmente dos atletas desportivos e incorporassem essa aprendizagem nos jogos. Porque embora todos os árbitros profissionais façam cursos oferecidos pela FIFA e Uefa, e cada um árbitro é diferente do outro, como é possível que exista tanta disparidade e diferença entre as arbitragens de cada país, se todos foram ensinados exactamente o mesmo?

Proença internacional

E porque é que os árbitros nunca são castigados ou punidos quando se prova que tiveram influência directa e grave num resultado ou determinada jogada? Porque  é que os relatórios dos jogos não são publicados online para que toda a gente possa ver exactamente o que se passou, segundo as palavras dos árbitros, em vez de circularem rumores do que realmente está ou não nos relatórios?

Jogadores, treinadores e mesmo dirigentes podem ser punidos e castigados (Jorge Jesus e Rui Costa são exemplos disso mesmo), mas não os árbitros. Porquê? São santos? Parece que é considerado blasfémia falar mal de um árbitro! Porque são tão protegidos? Se as Federações, Ligas e Associações fossem abertas e honestas, os árbitros não necessitariam dessa protecção. É como se para essas organizações tivessem duas medidas: os árbitros são humanos, cometem erros como todos, mas têm de ser protegidos na mesma! Não se entende.

Pedro Proença já tem uma história negativa quando arbitra jogos do Sport Lisboa e Benfica. E quem não se lembra do jogo que sentenciou qualquer hipótese do Nosso Clube conquistar a Liga, contra os portistas, na época passada? Dois golos validados, quando houve claras infracções contra a equipa encarnada. E o árbitro não foi punido, suspenso ou multado de forma nenhuma.

Proença manda calar

E que tipo de árbitro vem à imprensa dizer que é adepto do Sport Lisboa e Benfica? Que tipo de atitude profissional é essa, vindo de um árbitro internacional, aparentemente considerado um dos melhores do mundo? Não tinha nada que vir à praça pública dizer que era adepto fosse de que clube fosse! E foi punido, suspenso ou multado pela Federação, Liga ou Associação de Árbitros? Claro que não.

Este website foi criado para falar unicamente para falar e incentivar o apoio ao Nosso Clube, o Sport Lisboa e Benfica, e não de árbitros e do estado da nossa rbitragem em Portugal. Mas desta vez, não pude deixar de expressar a minha opinião, devido ao que aconteceu no Domingo. Agora, é só aguardar pelo número pesado associado à suspensão de Cardozo.

Força Benfica! Onda Positiva!

Nacional segura SL Benfica (2-2)

O Sport Lisboa e Benfica não conseguiu continuar com a boa senda de vitórias seguidas, desta vez frente ao Nacional. Um jogo menos conseguido dos encarnados, onde houve alguma desconcentração principalmente da defesa benfiquista e muitos passes errados a meio-campo.

O Nacional começou o jogo a pressionar muito forte o Benfica e fruto dessa pressão resultou o primeiro golo do jogo, à passagem do minuto 5, quando a defesa do Benfica julgava que havia fora-de-jogo e parou, literalmente.

Com o Sport Lisboa e Benfica algo lento no início do jogo e a permitir avanços dos jogadores madeirenses, o Nosso Clube teve de imprimir mais velocidade no jogo e ir à procura de criar mais oportunidades de golo e de marcar o golo da igualdade.

Golo que iria aparecer ao minuto 36, por intermédio de Urreta, numa grande execução de livre directo. Aliás, Urreta fez mesmo um excelente jogo e foi pena Jorge Jesus ter-lhe subsituído na 2ª parte, porque estava a ser um dos melhores jogadores do Benfica, a par talvez do Matic.

O Benfica ia assim para o intervalo a vencer por 1-2, de forma bem merecida e a jogar o futebol a que nos tem habituado. A 2ª parte iria começar da mesma forma que acabou a 1ª, com o Benfica a estar bem melhor que os madeirenses, mas uma falha da defesa benfiquista, e uma “fífia” do guarda-redes Artur, permitiu que o Nacional chegasse ao seu segundo golo, por Mateus, ao minuto 53.

Adeptos do Benfica

O Benfica foi mais uma vez à procura de inverter o resultado, mas no último terço do campo os passes ou remates mortíferos não apareciam. Com apenas alguns minutos para acabar o jogo, Pedro Proença expulsa Oscar Cardozo – vermelho directo. Na repetição, vê-se o avançado paraguaio a tentar tirar a bola ao jogador do Nacional, que estava a perder tempo, e Cardozo dá um toque na perna do adversário, para que este libertasse a bola. Não compreendendo o porquê da decisão do árbitro, Cardozo puxa da camisola do mesmo, mas os outros capitães Luisão e Maxi Pereira intervêm para que não hajam mais problemas. No entanto, o árbitro mostra o 2º amarelo e consequente vermelho ao jogador madeirense, pela perda de tempo.

Mas a decisão mais controversa veio mesmo uns minutos mais tarde, com o árbitro a expulsar Matic, por agressão. No entanto, a repetição mostra que Matic não agride o jogador madeirense, que foi ele a procurar que fosse agredido e tirar partido disso. Não se compreende a expulsão, mesmo que não nos ganhasse o jogo.

Foi um jogo menos conseguido por parte do Sport Lisboa e Benfica, mas nada está perdido, a não ser os 2 pontos de hoje à noite. Há sempre o próximo jogo e mais 3 pontos em disputa. Acredito no meu Benfica e só posso continuar a apoiar este Nosso Clube!

Força Benfica! Onda Positiva!

Convocados para Nacional v SL Benfica

Pois é. Hoje joga o Nosso Clube, na Madeira, frente ao Nacional. E aqui está a lista de convocados para o jogo de logo às 18h.

Guarda-redes: Artur, Paulo Lopes e Miguel Santos

Defesas: Luisão, Garay, Jardel, Melgarejo e Maxi Pereira

Médios: Urreta, Salvio, Gaitán, Matic, André Gomes, André Almeida e Enzo Perez

Avançados: Kardec, Lima, Cardozo e Rodrigo

Força Benfica

Este é um jogo para o Sport Lisboa e Benfica ganhar e ganhar bem… ou feio, desde que ganhe. Determinação, luta, profissionalismo e respeito q.b. pelo adversário, mas ganhar é peremptório e mostrar a toda a gente “anti” que podemos e conseguimos ganhar mesmo um jogo arbitrado por um árbitro que só nos tem prejudicado sem piedade ou dó, sempre de forma descarada. Eu acredito.

Força Benfica! Onda Positiva!

Nacional v SL Benfica – Domingo às 18h

O Nosso Clube viaja até à bela ilha da Madeira para jogar com o Nacional, este Domingo dia 10 de Fevereiro, a contar para a 18ª jornada da Liga.

A vitória neste jogo por parte do Sport Lisboa e Benfica está mais uma vez em jogo. Num campo sempre difícil de jogar, o Benfica vai dar o tudo por tudo para sair da Madeira com os 3 pontos nas malas para o regresso a Lisboa. Esta é “apenas” mais uma Final para o Benfica, que joga para manter-se no topo da Liga e continuar na luta pelo tão desejado título de Campeão.

nacional v SL Benfica

A meio da semana, como todos sabem, houve vários jogos internacionais das Selecções, e com muitos dos jogadores benfiquistas envolvidos nelas, vamos ver como Jorge Jesus vai apresentar a nossa equipa e em que estado é que os jogadores estarão. Provavelmente algum deles estará no banco, para que não se desgastem ainda mais depois dos jogos internacionais, mas quem jogar dará o seu melhor para ajuda o Benfica a triunfar.

Os adeptos têm sido fundamentais e instrumentais em todos os jogos do Sport Lisboa e Benfica, principalmente quando joga fora, quando é necessário mais incentivo e motivação, por estar-se a jogar fora do Estádio da Luz. Aqueles que lá estiverem no estádio do Nacional, aqueles que estiverem em casa ou nos cafés a verem pela televisão ou computadores, vão apoiar este magnífico grupo de jogadores, que são profissionais humildes e trabalhadores e que vão respeitar o adversário q.b. para poderem levá-lo de vencido, seja por que margem de golos for.

Força Benfica! Onda Positiva!

Liga arquiva processo contra SL Benfica

Há certas coisas que realmente não fazem muito sentido, e quando se tenta encontrar uma razão ou razões para que algo tenha acontecido, mas não se consegue encontrar tal razão ou razões, poderão permanecer um mistério. Mas a situação seguinte não é nenhum mistério e a razão… conhece-se.

Se não me engano na 4ª Feira, dia 6 de Fevereiro, apareceu uma notícia nos principais jornais desportivos de uma denúncia anónima que o Sport Lisboa e Benfica teria usado jogadores de forma irregular, no jogo frente à Académica de Coimbra, para a Taça da Liga, num espaço de tempo inferior a 72 horas, depois do Benfica ter defrontado a equipa do Estoril, para a Liga. Os jogadores seriam Pablo Aimar, Salvio, Lima, Jardel e Ola John.

Aimar v Académica - Taça da Liga

Ora, esta regra de que jogadores não podem jogar dois jogos seguidos no espaço inferior a 72 horas só se aplica se houver jogadores que jogaram na equipa B e na equipa principal. No caso do Sport Lisboa e Benfica, nenhum dos jogadores referidos jogou na equipa B. Como tal, essa denúncia anónima não faz qualquer sentido.

Além do mais, esta notícia veio depois de uma outra, dias antes, onde o FC Porto estaria sob investigação pelos mesmos motivos, depois de ter usado 3 jogadores da equipa B na equipa principal, com menos de 72 horas de diferença entre os respectivos jogos. O clube do Norte poderá ser desclassificado da Taça da Liga, fazendo com que a Meia-Final inclua o Vitória de Setúbal e não o clube nortenho.

Não é necessário muita inteligência e percepção para que se perceba de onde veio a tal denúncia anónima e para que efeitos. Como se costuma dizer, ‘Para bom entendedor meia palavra basta’. Há pessoas e instituições que fazem de absolutamente tudo para que os seus interesses estejam sempre por cima do fair-play e da justiça.

Logo Liga Portuguesa

Além disso, é impressionante como a Federação Portuguesa de Futebol e a Liga Profissional instauram um processo ao Sport Lisboa e Benfica (e também ao Sporting B e Marítimo B, outros clubes que também foram alvo) sem que investiguem primeiro de onde vem tal denúncia e com que motivos. É como se uma estação da Polícia recebesse uma nota anónima de que tal pessoa teria cometido um homicídio ou tinha uma bomba, descobrindo-se depois que não era verdade.

É a isto que o futebol português chegou: denúncias anónimas geradas sem qualquer fundamento e que só servem para desestabilizar clubes que fazem todos os possíveis para fazerem as coisas dentro das leis impostas. Esta é mais uma batalha que o Nosso Clube ganha. E assim continuará.

Força Benfica! Onda Positiva!